Jun/17

4

FAMILIA BB PELO MUNDO

Viajar foi e continua sendo nossa grande aventura familiar. Primeiro somente os pais, M-M, depois com Leticia, e agora com a Alicia. Viagens curtas nos levaram a muitos lugares, no Brasil e fora dele, nos permitiram aprender muita coisa, errar, acertar, rir, desesperar, e, sobre tudo: aproximar-nos de outras culturas (valorizando a nossa, sempre).

Depois de uma incrível viagem para Portugal (2010-11), já com a Letícia conosco, em 2017 tivemos a chance de viajar todos, agora com a Alicia, para uma nova experiência, “Uma aventura pela Argentina e Uruguai”.

Visitando Montevideo.

Visitando Montevideo.

Durante todo o mês de abril tivemos a grande oportunidade de viver na cidade de La Plata (Argentina) e assim poder conhecer um pouco mais uma cultura tão rica e interessante. E tudo isso aconteceu por razão de uma parceria entre Unicamp e a Universidad Nacional de La Plata, por meio da qual pude realizar uma estância acadêmica que incluiu diversas atividades (aulas, cursos, reuniões de pesquisa, …) com alunos da graduação, pós-graduação e um muitos docentes. Muito trabalho foi feito, muito mesmo, mas também muitas amizades foram reforçadas ou construídas. Uma grande chance para nossa família ver e viver outras formas de organizar a vida, de trabalhar na universidade, de comer, beber, de divertir-se. Universidade com acesso irrestrito, característica u exige outra organização, e que impede o imperialismo das empresas “exploradoras e adestradoras” para vestibulares, como vemos no Brasil.

Palestra

Palestra

Aula UNLP.

Aula UNLP.

A qualidade do doce de leite, dos assados (parrilhada), da pipoca doce (do cinema) e de tantas outras iguarias foi notável! Mas nada superou a qualidade humana, o carinho e a atenção que nos deram sempre. “Gente bonísima!”

Aproveitamos a oportunidade para visitar Buenos Aires, com toda sua história e grandiosidade. Assim conseguimos visitar o curso superior de circo da Universidad San Martin (Buenos Aires) e a escola La Arena, ambas coordenadas pelo amigo Gerardo Hochman – simplesmente GENIAL! Vimos o show “Séptimo Día” do Cirque su Soleil no Luna Park (uma homenagem a banca Soda Esterio, pouco conhecida no Brasil porém mítica em muitos países latino-americanos), agradecimento Stacy Clark, dep. Casting, e a Rodolfo Rangel, que participou da pradução do espetáculo.

Visitando Casa Rosada - BsAs.

Visitando Casa Rosada - BsAs.

Conseguimos ir uns dias a Montevideo, onde, além de visitar essa “hermosa” capital, ainda pude realizar uma aula e uma palestra no Instituto Superior de Educação Física (ISEF) da Universidade de la República, graças ao suporte dos professores Virginia Alonso e Franco Ruggiano. Por certo, Montevideo é linda, organizada, inspiradora, mas mostra indicadores de uma realidade polarizada (bem menos que a Argentina), com gente explorando latas e conteines de lixo, em meio a caríssimos veículos pelas ruas.

ISEF, debatendo ginástica e circo.

ISEF, debatendo ginástica e circo.

Quero agradecer a todos que nos ajudaram a realizar essa aventura, lá e cá! Em especial aos amigos Jorge Saravi, José Fotia, Osvaldo Ron, Gerardo Hochman, Virginia Alonso, Franco Ruggiano e Pablo Scharagrodsky. A todos do grupo de investigação coordenado pelo amigo Jorge, pela amizade, apoio e pela linda festa de despedida na casa da professora Daniela. Agradeço meus colegas da FEF que me ajudaram durante a ausência, especialmente a professora Laurita e aos bolsistas Bruna, Leonora, Fernanda, Carol, Gabriel.

Café de despedida com Jorge e Débora.

Café de despedida com Jorge e Débora.

Temos que agradecer ainda à Escola Normal 2 de La Plata por ter recebido nossas filhas Leticia e Alicia nesse período, oferecendo uma experiência incrível para elas. Foi excelente viver novamente a sensação do “não-lugar”, de perder a comodidade, de sentir-se deslocado, de ficar sem carro, andar de ônibus, metrô, barco, taxi, … de voltar a perguntar onde fica a padaria, de ter que entender a organização do trânsito, do supermercado,… andar e andar quilômetros para achar tudo e todos… realmente uma aventura!!! Agradecemos a todos!!!!

Não esqueceremos de nada, principalmente de La plata, uma linda cidade, que mostra traços de tempos melhores e que hoje luta contra uma decadência, fruto de uma crise política, econômica, humana, similar (em gênero, número e grau) à que vivemos no Brasil. Uma cidade com lindos monumentos (como sua catedral gótica), museus, zoo, planetário, rica em cultura, com uma intensa atividade política (alias, um debate mais vivo e denso daquele que vejo no Brasil – me refiro entre as pessoas que não militam nesse contexto). Um lugar onde carros antigos ainda dividem espaços máquinas modernas, onde há mais lixo e sujeira na rua (incluindo muita fezes de cachorros) do que deveria. Talvez um sintoma do descrédito, do sofrimento popular, …  Uma cidade que tem a Republica de los Niños, incrível lugar inaugurado aproximadamente em 1950 constituindo-se assim num projeto audacioso, à frente de seu tempo, mas que lamentávelmente sofre para seguir existindo.

Família em BsAs!

Família em BsAs!

Sem dúvida, uma LINDA e importante experiência para a família Bortoleto-Bellotto (BB)!

« 2017: NOVAS PUBLICAÇÕES

PESQUISA & CIRCO »